domingo, 8 de janeiro de 2012

"A poesia nas minhas andanças".por Luiz de Carvalho

Regresso


Como nuvens brancas que atravessam o céu

e se desvanecem no ar,
você passou em minha vida.
...
Como um furacão que aparece arrasando a natureza
e se perde na distância,
você passou em minha vida.

Como as folhas secas de outono que caem no chão
e se espalham ao vento,
você passou em minha vida.

Como um vulcão que explode lançando para fora
sua lava incandescente,
você passou em minha vida.

Como sol que se despede com a chegada da lua
ao findar do dia,
você passou em minha vida.

Mas como um filho pródigo que foi embora
e um dia regressou ao lar,
você voltou pra mim.

 Luiz DE Carvalho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário